CONFIRA NOSSO SERVIÇO

RODÍZIO DE PNEUS

Como fazer o rodízio dos pneus?

 

Para obter o comportamento ideal do veículo em curvas, nas freadas, nas pistas molhadas e nas situações de emergência é importante que os quatro pneus em uso tenham um desgaste semelhante entre eles. Porém, cada um dos pneus que está rodando em um veículo será submetido a diferentes esforços e, por consequência, terá desgastes diferentes. Por exemplo, o eixo de tração vai exigir mais do pneu que o outro eixo.

 

Ao longo do tempo essas diferenças de desgaste se acentuarão e poderão comprometer o equilíbrio do veículo. Por isso, é importante realizar rodízios periódicos, alternando a posição dos pneus no veículo e para se obter semelhantes.

 

O rodízio básico consiste em montar os pneus que estavam no eixo dianteiro na parte traseira, conservando o mesmo lado do veículo, independente do tipo do pneu, se ele é direcional, assimétrico, caminhonete, etc.

 

Porém, em algumas situações específicas, pode ser realizado um rodízio em X, passando o pneu dianteiro direito para a posição traseira esquerda e vice-versa. Um exemplo da necessidade deste tipo de rodízio é um veículo que faça mais curvas para um lado que para outro em sua utilização diária. Neste caso, os pneus de um lado se desgastarão mais que o outro lado, e o rodízio básico não irá conseguir equilibrar os desgastes.

 

É necessário verificar o tipo de desgaste dos pneus para decidir o melhor rodízio a fazer. O especialista em pneus presente nas lojas MICHELIN poderá orientar melhor sobre essas opções de rodízio.

ENCONTRE A LOJA MAIS PRÓXIMA

FALE COM OUVIDORIA

[email protected]

(62) 99930-5598

© Copyright GRIFFE PNEUS